Siga-me no Twitter

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Doce loucura

Algo estranho acontece em meus pensamentos
Alguma coisa estranha me sufoca,
Me angustia,
Me amarra.
Algo estranho em meus sentimentos.
Amores...
Paixões...
O estranho amor que sabe amar.
O amor verdadeiro que encanta uma dama
Uma mulher...
A realeza...
A donzela.
Nos olhos desejosos do poeta,
Que Estranhamente enfeitiça sua musa.
O poeta se transforma em cavaleiro medieval
Conhece a "Idade das Trevas"
Conhece outros mundos.
Ouve vozes!
Risos!
Piadas!
E transforma tudo em poesia.
Surge nesse momento o legendário
" Dom Quixote de La Mancha".
Em busca de sua doce Lucinéia.
Tarefa árdua...
O poeta brota de dentro do cavaleiro
Em chamas, o seu amor brilha...
O herói
O santo
O guerreiro.
O alucinado, lutando contra sua própria imaginação
Algo estranho sai de seu íntimo
O chamam de louco...
Irreal...
Cosmopolita...
Alienado...
Algo o deixa a pensar
Em histórias de seres e personagens,
Desvendando os mistérios de sua amada.
Na visão de sua miopia.
No duelo contra sua utopia.


CLAUDEMIR O. SANTOS
17 de janeiro de 1993. CEI

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Projeto "Escritores de Araguaína". CEM Castelo Branco





Observando a necessidade de se desenvolver ações que resgatem os valores do Tocantins, em especial, de Araguaína, no campo literário e percebendo a riqueza das obras e a importância da difusão das mesmas, será desenvolvido no Centro de Ensino Médio Castelo Branco, o “Projeto Escritores de Araguaína”; tendo em vista, atender os desafios de educar dentro de uma perspectiva dinâmica e moderna.
O desenvolvimento deste projeto tem como objetivo, interpretar e analisar textos, tendo como objeto de estudo: contos, crônicas, poesias e sonetos de escritores da ACALANTO – Academia de Letras de Araguaína e Norte do Tocantins; conhecer as biografias destes e suas características literárias; além de realizar pesquisas utilizando subsídios tecnológicos como: TV Escola, Laboratório de Informática e Biblioteca desta U.E. e (re)criar produções textuais alusivas às obras lidas, fazer documentários, dramatizações, utilizando celular, filmadora, câmara digital, entre outros; pois estes são enfocados como meios de comunicação, expressão, informação e formação do cidadão contemporâneo.

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

CONTATOS E LÍNGUAS

Contatos

Festas

E línguas

Um corpo dentro do outro



Almas gêmeas do desejo

Lábios rosados

Chega e me beija

Com o veneno do baton.



Embriago-me

Em loucuras e línguas.

O corpo chama

Atrai!!!



Lábios colados

Sedentos de mistérios

Seres amados

Viajando ...

Em “ Contatos e línguas”.